Abra as portas do seu coração!

Texto de: Paulo Franco Machado
Publicado em: 29 de março de 2010
Postado em: Formação | Reflexões
Quando somos gerados, nossa alma reserva um espaço para cada coisa em nosso coração e é interessante que muitas vezes na vida sentimos um vazio e não sabemos por que, Dai sempre achamos que é uma coisa, quando na verdade é outra!
Por exemplo, as vezes não nos damos muito bem com nossos pais, brigamos, somos proibidos de alguma coisa. A primeira reação é bater a porta do quarto. Só que nos esquecemos que quando batemos a porta do quarto, batemos também a porta do nosso coração que é destinada a família! E assim começa um vazio tremendo!
Este vazio permanece ali por um tempo, e logo sentimos a necessidade de preenchê-lo. E é ai que mora o problema! Esquecemos que a porta fechada foi a da família, e começamos a encher nosso coração de muita coisa: Som alto, Músicas depravadas, roupas curtas, beijo na boca, cerveja, sexo, som automotivo, drogas… Sinto muito lhe dizer, mas nenhuma destas coisas tem o poder de abrir a porta onde está o vazio, ela só pode ser aberta por dentro, por você! E por mais que vc se entupa de coisas, de gestos obscenos, e de qualquer outra tentativa, a porta do quarto da família continuará fechada.
É preciso voltar a ser criança! Lembra daqueles joguinhos pedagógicos onde tinhamos que colocar a pecinha onde a forma se encaixa? triângulo no triângulo, círculo no círculo, e por ai vai! É isso que precisamos fazer! Prencher as formas do nosso coração com aquilo que ela foi destinada! Aquela porta que você fechou na cara do seu pai, da sua mãe, do seu irmão, do seu primo: Tá na hora de abri-la! Deixa de orgulho bobo e deixa sua família entrar no lugar onde ela foi destinada! Decida-se por perdoar. Neste momento não importa quem errou, importa que aquela parte do seu coração ficará vazio enquanto não deixar sua família entrar. Não se engane: Você precisa deles! Ame-os e jogue fora todos estes pesos desnecessários, vc não precisa de nada disso, só de perdoar os seus pais!
Paulo Franco Machado
Escrito por: Paulo Franco Machado
Filho de Deus, casado com Christiane Faria, catequista, escritor. Gestor em Tecnologia da Informação com especialização em Gestão de Projetos. Atualmente é empresário e professor.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: